22 dezembro, 2011

Um ano vitorioso

É mais um ano que chega ao fim, e outro próximo a iniciar.
É hora de parar, refletir. Pensar no que acertamos ou deixamos de acertar, nas conquista e naquilo que não foi possível conquistar.
Também é hora da agradecer a Deus por tudo. Pela saúde, o trabalho, a família.
É necessário fazer uma retrospectiva  do ano inteiro, os bons momentos e os não tão bons, sacar tudo que for proveitoso e utilizar no próximo ano, o que não tiver proveito, deixar que se vá junto com o ano velho.
Chegou o momento de agradecer por cada dia de sol e cada noite em que pudemos ouvir o barulho da chuva. Pelas cores que pudemos enxergar e os sons que pudemos ouvir, pelos abraços que demos e recebemos, e quem sabe lamentar os não recebido nem dado.
Este ano particularmente  tenho muito que agradecer, muitas coisas maravilhosas aconteceram do começo ao final do ano.
Em fevereiro nasceu minha filha.
Em abril lancei meu primeiro livro sozinho em São Paulo.
Em junho visitei meus pais e lancei meu livro no Ceará em minha terra natal  Farias Brito, fui recebido com festa.
Em outubro fui premiado no primeiro festival de cordel Pela CTN ( Centro de Tradições Nordestinas) a nível nacional.
Sem contar os folhetos de cordel que lancei, e concurso de frases que ganhei. Bem meus amigos o ano ainda não acabou, mas já foi vitorioso.
Mas para aquele que não foi tão bom assim, pense positivo, trace uma meta, um objetivo se empenhe mais e verás tudo pode dá certo se acreditarmos.
Todo ser humano é o que acredita ser.

Virada de mesa.

Vou, vou virar a mesa,
Pegar a tristeza,
Vou dar um coro mandar embora,
Vou, fazer uma limpeza,
Comprar alegria,
O que for tristeza,
Vou jogar fora.


Francis Gomes


Um feliz natal a todos e um 2012 cheio de conquistas e muitas vitórias.
E não esqueçam todo SER HUMANO É O QUE ACREDITA SER.

Francis Gomes

http://www.poetafrancisgomes.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

23/11