30 agosto, 2010

Fanzine LiteraturaNossa 22

O Fanzine LiteraturaNossa desta edição traz, além dos ótimos trabalhos literários dos membros da Associação Cultural Literatura no Brasil, informações sobre a nova sede da entidade, que está fixada no Jardim revista em Suzano.Confira:














27 agosto, 2010

Poeta

Carregas no peito
A angústia de um poema
Que do seu íntimo
Não consegue externar.

Com a pena em punho
Luta com as palavras
Que lhe vêm a mente precipitam-se nos lábios
Mas... não é aquela.

Aquela palavra que buscas incessantemente
Como a um beijo ardente
Da louca paixão.

Sem mais, de repente
A pena solenemente
Corre o cartão.

E o poema viçoso
Liberta o peito frondoso
Da angústia de então.

26 agosto, 2010

MINHA PELE É NORDESTINA!!!

Nesta terça, após nossa reunião semanal, o cordelista e presidente da Associação Francis Gomes encabeçou mais uma edição do "Conte sua história", atividade onde um dos membros da ACLB apresenta sua trajetória de vida aos presentes.
Francis contou sobre sua vida no Ceará, a vinda para São Paulo, sua intimidade com a Literatura e sua paixão pelo "Nordeste" brasileiro.
O título dessa postagem foi tirado de uma de suas falas, já que ele não se cansa de declarar seu amor por sua terra natal e a saudade que sente dos pais.
Mais uma vez, a emoção tomou conta de todos...
Confira.

fotos de Cris Ramos




Reunidos no Círculo das Letras

Salve!
Como muitos de vocês já sabem, a Associação Cultural Literatura no Brasil se reúne toda terça-feira, às 17h30, para avaliar as atividades acontecidas e planejar as que ainda irão acontecer.
A novidade é que nessa semana nos reunimos pela 1ª vez na sede do nosso Ponto de Cultura "Círculo das Letras", que fica na Rua Bandeirantes, 606, Jardim Revista, periferia de Suzano.
O espaço é lindo, amplo, aconchegante e aos poucos está ganhando a nossa cara!
Aceitamos doações de livros de Literatura e o mais importante: ESPERAMOS SUA VISITA.

fotos de Marcelino




lançamento do livro do sacolinha 005

PINTURA DO PONTO DE CULTURA

Saudações literárias!
A Associação Cultural Literatura no Brasil não para!
Em pleno domingo (22/08), Sacolinha, Landy, Alanda, Francis, Andréia, Cákis, Débora, Rener e eu, fomos pintar as paredes internas da nossa sede. Também lavamos mesas, cadeiras e estantes que ganhamos por intermédio do Marcelino.
Trabalhamos duro, das 09h às 16, mas em momento algum nossos sorrisos de satisfação desapareceram.
Pena que alguns membros não vieram, pois perderam uma ótima oportunidade de presenciar a curiosidade da comunidade, de responder muitas e muitas vezes o que vai ter naquele lugar tão bonito (voz do povo), as promessas de doação de livros e os pedidos para que inauguremos logo.
Esse também é o nosso desejo, mas mesmo sem data oficial para inauguração, a partir dessa semana, já iniciaremos nossas atividades na nova casa, ou seja, tudo que fazíamos no Centro Cultural Moriconi (centro) levaremos para a periferia, que é mais do que carente e merecedora.
Agradecemos de coração a Secretaria Municipal de Cultura de Suzano por ter cedido o espaço no qual nos reunimos e realizamos diversas atividades durante estes 5 anos de vida e o melhor de tudo é que a parceria continua no nosso Ponto de Cultura.
Seguem abaixo as imagens da faxina mais cultural da região!



Alanda coordenou o trabalho













missão cumprida!






SOLIDÃO

Se acaso a solidão
Lhe pregar uma peça,
Claro que você não vai sorrir,
Então não impeça a lágrima
Que nos seu olhos brotar.

Chore, chorar é bom,
É um desabafo. Melhor
Que muitas palavras inúteis
Nesse momento que é só seu.

Solidão é uma surpresa,
Nos pega no trânsito, no cinema,
Ou numa discussão boba,
Onde aparece de sobremesa.

Um mal necessário?
Vai lá se saber. Ela vem de repente,
Licença não pede para a gente,
Vai se acomodando, não fala,
Fica alí, quietinha.

É uma palavra só, por isso mesmo
Necessário se faz entender a solidão.
Está na gente, mora com a gente,
Vem da alma, do coração.

PAULO ODAIR

19 agosto, 2010

Pavio da Cultura na Bienal

Saudações literárias!
Pessoal, dia 17 levamos o nosso sarau Pavio da Cultura para o espaço Volkswagen na 21ª Bienal do Livro.
Foi uma noite maravilhosa, onde todos da Associação inovaram e encantaram o público com suas poesias, músicas, cordéis, haps...
As pessoas iam passando distraídas, escutavam o som poético e contagiante do Sarau e iam chegando.
Em poucos minutos já estavam batendo palmas, felizes e recompensadas por terem deixado de visitar outro espaço para assistir o nosso Pavio pegar fogo.
Foi literalmente uma explosão de ideias, em meio a uma chuva cultural!


Débora e Cris

Jady

Hugo Paz

Marcio Sam, Nelson Olavo e Sacolinha: Só Paz e Amor!

D. Elisabete e Renato distribuem carinho e poesia

Sacolinha e "A noite te convida"



Francis Gomes e o seu divertido "Caipira"
o público fez a diferença!

Pavio da Cultura - Agosto

Como sempre o Pavio da Cultura pegou fogo! Nesta edição de agosto o público apareceu em peso. A noite estava bem fria, mas o calor humano aqueceu o coração dos presentes. Ainda recebemos a estréia da caravana de lançamento que o escritor Sacolinha está fazendo para divulgação de seus novos trabalhos, os livros Estação Terminal e Peripécias de minha infância.

Segue as imagens: