06 junho, 2016

Sarau LiteraturaNossa Junho

O Sarau LiteraturaNossa deste mês está recheado de atrações e novidades.
Teremos seleção e lançamento das canetas poéticas. Teremos também o lançamento do livro Virtuose do escritor Alba Atróz. Neste romance, o escritor constrói uma narrativa ousada, na qual desaparecem as fronteiras entre alta e baixa cultura. A atividade será encerrada com um pocket show da MC Luanna Hansen cujo trabalho musical é pautado pela militância negra, feminista e LGBT.
Esta edição traz ainda uma pauta muito importante, a campanha “O calor das palavras”. Trata-se de uma campanha para arrecadar roupas e calçados para serem distribuídos às pessoas que estão em situação de rua na cidade de Suzano.
A campanha foi motivada porque no mês de maio de 2016 foram registradas as mortes de duas pessoas em situação de rua, por hipotermia, que é a queda brusca da temperatura do corpo devido à exposição excessiva ao frio. Essas mortes nos causou grande indignação, por isso decidimos agir diante desses tristes acontecimentos. Mais do que uma ação de solidariedade, buscamos mobilizar a sociedade para debater essa questão. As políticas públicas de atendimento às pessoas em situação de rua ainda são pouco estruturadas no município, especialmente, no que se refere à albergues para pernoite.
Embora essas mortes tenham sido noticiadas pelos jornais locais como fatalidades, nós enquanto articuladores político-culturais, entendemos que para além de uma fatalidade, evidenciam as lacunas da política de assistência social no município. Quando a política pública falha na assistência aos mais pobres e vulneráveis, essa falha pode ser fatal, como podemos constatar nesses tristes acontecimentos.
A campanha O calor das palavras, é uma ação simbólica para mostrar à gestão do prefeito Paulo Tokusumi (PSDB) que estamos de olho e realizando o papel do controle social, que cabe à sociedade civil organizada.
As roupas arrecadadas no Sarau LiteraturaNossa deste mês serão distribuídas na semana seguinte. Sairemos em comboio realizando a entrega na região central, para quem necessitar. Convidamos a todas(os) a participarem dessa rede de solidariedade, tanto na doação quanto na entrega. Vamos informar através das nossas redes sociais e da imprensa local, o dia, horário e ponto de encontro para as distribuições.


Em tempos de barbárie, ser solidário é um ato de resistência! Nos vemos lá!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

23/11