02 fevereiro, 2009

Ademiro Alves (Sacolinha)

Currículo/Biografia

1983
Nasce no Hospital e Maternidade Pq. Dom Pedro II, em São Paulo, Ademiro Alves de Sousa, filho de Maria Natalina Alves e de pai não declarado.

1988
Ademiro começa a se sentir solitário na casa em que vive com sua mãe e seu padrasto. Proibido de sair à rua e ao quintal, e sem ter amigos, acaba adoecendo. Isso se torna freqüente até ele ir morar com a avó materna Geralda Alves de Sousa.

1991
Por completar idade em agosto, Ademiro só consegue ser matriculado na escola com oito anos. A partir daí passa a morar definitivamente com a avó no bairro de Itaquera em São Paulo.

1995
Com 12 anos vai entregar panfletos nos faróis das avenidas.

1997
Começa a trabalhar como cobrador de lotação no Metrô Itaquera.

1998
Muda-se para a cidade de Suzano.
Trabalha por seis meses como empacotador de mercadorias no supermercado.

1999
Volta a trabalhar como cobrador de lotação em Itaquera.

2001
Conclui o Ensino Médio sem ser reprovado em nenhum ano. Nesses anos ainda não existia a aprovação automática.

2002
Seu padrasto desaparece.
Sua mãe e seus dois irmãos vão morar na cidade de Suzano. Ademiro passa a morar com eles numa casa semi-construída e sem acabamentos e passa a ser o chefe da casa.
Começa a pegar gosto pela leitura.
Inicia sua atuação em movimentos sociais e passa a coordenar um programa de Rap na rádio comunitária Comunidade FM.
Começa a escrever.
Cria o Projeto Cultural Literatura no Brasil.

2003
Deixa a Lotação e passa a trabalhar numa revistaria no Metrô Itaquera.
É premiado no 2° Concurso “ARTEZ”, com o conto urbano “Um dia comum”.

2004
Começa a escrever o seu primeiro livro, o romance Graduado em Marginalidade.
Participa da revista Caros amigos "especial" ato III.
Participa da coletânea “ARTEZ” vol. V - Meireles editorial.
Termina a produção do seu primeiro livro.
Assume a presidência do Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Sócio cultural Negro Sim.
Escreve o conto “Pacífico Homem Bomba” que foi adaptado para o teatro.
Participa da Antologia “No limite da palavra”; editora Scortecci.
Participa da antologia poética: “O Rastilho da Pólvora” do Projeto Cooperifa, (Cooperativa Cultural da Periferia).

2005

É convidado para assumir a Coordenadoria Literária na Secretaria Municipal de Cultura de Suzano – SP.
Assume oficialmente a Coordenadoria Literária em seu município.
Seu estilo literário começa a ser estudado em universidades:
USP- Universidade de São Paulo.
UMC- Universidade de Mogi das Cruzes.
Anhembi Morumbi
Universidade Metodista
Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
Lança oficialmente o seu primeiro livro. O romance contemporâneo “Graduado em Marginalidade” em Suzano, São Paulo, pela editora Scortecci.
Lança o “Graduado em Marginalidade” em Cambuí, Minas Gerais.
Escreve o Posfácio do livro “O trem – Contestando a Versão Oficial”, do escritor Alessandro Buzo.
Começa a vender livros nas noites de São Paulo.
Inicia a produção do seu segundo livro: “85 Letras e um Disparo”.
Produz o Vídeo-documentário do Projeto Cultural Literatura no Brasil.
Lança em parceria com a Prefeitura de Suzano, a Revista “Trajetória Literária”, que reúne 20 escritores inéditos.
Participa do livro Cadernos Negros vol. 28 – Contos Afro-Brasileiros.
Recebe o “1º Prêmio Cooperifa”.
Funda oficialmente a Associação Cultural Literatura no Brasil, antes com o nome de “Projeto Cultural Literatura no Brasil”.

2006
O romance “Graduado em Marginalidade” é indicado para participar do Prêmio Jabuti como melhor romance do ano de 2005.
Ingressa no Curso de Letras da Universidade de Mogi das Cruzes.
Finaliza a produção do seu segundo livro, “85 Letras e um Disparo”.
Inicia sua carreira de dramaturgo, escrevendo a peça de teatro: “Toque de recolher”.
Começa a produzir o seu terceiro livro, o romance “Estação Terminal”.
Escreve o conto “Devaneio” para a “Revista Palmares” – Cultura Afro-Brasileira nº 2 da Fundação Cultural Palmares – Governo Federal.
Inicia um projeto com uma série de palestras em escolas públicas e presídios, com o objetivo de incentivo à leitura.
Lança a sua segunda obra, “85 Letras e um Disparo” - livro de contos, pela editora Ilustra, em Suzano, SP.
Produz um documentário em parceria com a Rede Globo de Televisão sobre o incentivo à leitura.
O documentário sobre incentivo à leitura é exibido duas vezes na TV Globo, dentro do programa “Via Brasil”.
É jurado da Seleção Cadernos Negros, volume 29.
Recebe dois prêmios literários na Universidade Mogi das Cruzes.
Novamente em parceria com a Prefeitura de Suzano, lança a Revista “Trajetória Literária II” – Contos selecionados. Projeto que reúne 10 escritores inéditos. Aqui, além da organização geral, também fez o trabalho de revisão.
Participa da antologia Cadernos Negros vol. 29 – Poemas Afro-Brasileiros.
Recebe o “2º Prêmio Cooperifa”.
É jurado do 1º Concurso literário de contos e poesias da FEBEM (Fundação Estadual para o Bem Estar do Menor), atual Fundação CASA.


2007
Cria dentro da Associação Cultural Literatura no Brasil, o projeto “Sarau nas escolas” que percorre diversas escolas ao longo do ano.
Lança em parceria com a Prefeitura de Suzano, a antologia “Novos Talentos da Literatura Brasileira”, que reúne 20 escritores inéditos. Aqui, além da organização geral, também fez o trabalho de revisão.
Escreve o prefácio do livro “Noite Adentro” de Robson Canto.
Lança oficialmente o I Concurso de Literatura Erótica da Região do Alto Tietê.
Concede entrevista ao Programa do Jô, da Rede Globo de Televisão.
Seus projetos literários junto com sua escrita são temas de trabalhos dos alunos de jornalismo da Faculdade Mackenzie.
Lança a segunda edição do livro “85 Letras e um Disparo” pela Global editora.
Dá entrevista para as seguintes rádios:
CBN – Programa Revista CBN
Band News
Rádio Globo
Rádio ABC
Rádio Metropolitana
Em parceria com a Ong. Ação Educativa e a Fundação Itaú Social, lança a antologia “Literatura no Brasil” que contém poesias e contos dos membros da Associação Cultural Literatura no Brasil. Aqui, além da organização geral, também escreveu a apresentação e dois textos para compor a obra.
Inicia a escrita do romance infanto-juvenil “Peripécias de Minha Infância”
Participa da antologia Cadernos Negros vol. 30 – Contos Afro-Brasileiros.
Recebe o “3º Prêmio Cooperifa”.
Seus livros são temas de teses das faculdades:
UniCEUB: Centro Universitário de Brasília
PUC – Campinas
University of Utrecht – Faculty of Social Sciences - Holanda

2008
Conclui a escrita de “Peripécias de Minha Infância”
Ministra oficina de incentivo à leitura para 120 professores da rede pública municipal.
Lança em parceria com a Prefeitura de Suzano, a Revista “Trajetória Literária III”que reúne 20 escritores inéditos. Aqui, além da organização geral, também fez o trabalho de revisão e assinou o prefácio.
Participa do Seminário “Cadernos Negros – Três décadas” um momento histórico do movimento negro de São Paulo.
Participa da Revista GRAP – Grafite e poesia, com o poema “Sedução”.
Num momento histórico leva para a cidade de Suzano o maior nome da cultura popular brasileira, Ariano Suassuna.
É convidado pela Prefeitura Municipal de Guarulhos para ministrar a oficina “Literatura e Técnicas de redação” na Biblioteca Monteiro Lobato.
Participa da revista Catarse – Publicada pelo grupo de teatro “Neura”
A poesia “A noite te convida” e o conto “Os prazeres de Sara” ambos de sua autoria são publicados na Antologia “Cadernos Negros – Três décadas” publicação que reúne os 30 anos da Literatura Afro-Brasileira.
Participa ativamente do VII Congresso DST/Aids em Florianópolis, apresentando o projeto “Pavio Erótico” como um instrumento cultural de combate às DST.
Lança em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Suzano o livro “Amor Lúbrico – Textos para serem lidos na cama” que reúne 22 autores de todo o Estado de São Paulo.
Numa iniciativa de descentralização da cultura no município de Suzano, o prefeito Marcelo Candido cria três novos centros culturais. O escritor Sacolinha é convidado para assumir a coordenação do Centro Cultural Boa Vista.
Concede entrevista para o programa Manos e Minas da TV Cultura e para a revista Vida Simples.
Visita a cidade de Passo Fundo - RS, onde ministra palestras e seminários sobre seu livro "85 Letras e um Disparo" em escolas e universidades.
Participa da antologia Cadernos Negros vol. 31 – Poemas Afro-Brasileiros.
Recebe o “4º Prêmio Cooperifa”.
Participa da revista Não Funciona nº18
Produz o Vídeo-documentário Literatura no Brasil vol. II
Lança em parceria com a Prefeitura de Suzano, a Revista “Trajetória Literária IV”que reúne 22 escritores inéditos. Aqui, além da organização geral, assinou o prefácio.
Conclui o Curso de Letras na Universidade de Mogi das Cruzes – SP.

2009
Junto com o poeta e amigo Denivaldo Araújo, navega no Rio Tietê descendo da cidade de Mogi das Cruzes até Suzano numa jangada feita de madeirite e garrafas pet.
Após essa experiência no rio, escreve o romance ecológico “O Homem que não mexia com a natureza”.
Concede entrevista para o programa "Provocações" da TV Cultura.
Concede entrevista para o jornal Diário de São Paulo
Concede entrevista para a rádio DS FM – Suzano – SP.
Casa-se com Irlandia Freitas dos Santos, com quem manteve um relacionamento desde 2003.

Sacolinha é agitador cultural. Faz palestras sobre literatura; desenvolve freqüentemente eventos de literatura e ministra oficinas de literatura e de incentivo à leitura.


PUBLICAÇÕES

Obras individuais
- Graduado em Marginalidade (romance)
- 85 Letras e um Disparo (contos)
- Peripécias de Minha Infância (romance infanto-juvenil) - Prelo
- Estação Terminal (romance) – Prelo
- O Homem que não mexia com a natureza (romance ecológico) - Prelo

Antologias
- Cadernos Negros vol. 28, 29, 30, 31 (Poemas e contos)
- Cadernos Negros – Três décadas (especial 30 anos)
- “ARTEZ” vol. V - Meireles editorial.
- “No limite da palavra”; editora Scortecci.
- “O Rastilho da Pólvora” do Projeto Cooperifa, (Cooperativa Cultural da Periferia).
- Novos Talentos da Literatura Brasileira
- Literatura no Brasil
- Amor Lúbrico – Textos para serem lidos na cama
- Racismo: São Paulo Fala

Revistas
- Caros amigos "especial" ato III.
- Revista “Trajetória Literária” nº 1, 2, 3 e 4
- Revista Palmares – Cultura Afro-Brasileira nº 2
- Revista GRAP – Grafite e poesia
- Revista Catarse – Publicação do grupo de teatro “Neura"
- Revista Não Funciona nº 18

Teatro
- Pacífico Homem Bomba
- Toque de recolher

Vídeo
- Vídeo-documentário do Projeto Cultural Literatura no Brasil.
- Vídeo-documentário Literatura no Brasil II.

PRÊMIOS

- III Mostra de Talentos – Escola Oswaldo de Artes
- Universidade Mogi das Cruzes – Melhor interpretação e Melhor poesia
- Prêmio Cooperifa 1, 2, 3 e 4
- Prêmio Davi Capistrano – Cidade de Bauru

ENTREVISTAS

Rádio
- CBN – Programa Revista CBN
- Band News
- Rádio Globo
- Rádio ABC
- Rádio Metropolitana
- Rádio DS FM

TV
- TV Diário (junho – 2007)
- Metrópolis – TV Cultura (agosto – 2007)
- Programa do Jô - Rede Globo de Televisão (outubro – 2007)
- Programa Manos & Minas – TV Cultura (agosto – 2008)
- Programa Provocações - TV Cultura (janeiro - 2009)

Revista
- Época
- Vida Simples

Jornais
- Diário de Suzano
- Diário de Mogi
- Mogi News
- Diário do Alto Tietê
- Folha de São Paulo
- Jornal da Tarde
- Estado de São Paulo
- Diário de São Paulo

LUGARES DE VIDA E VIAGEM

- São Paulo
- Suzano
- Rio de Janeiro
- Minas Gerais
- Rio Grande do Sul

Contato: (11) 8325-2368
Fone: (11) 4749-7556
Fax: 4759-2304
E-mail:
sacolagraduado@gmail.com
Blog: www.sacolagraduado.blogspot.com

Minha Literatura, Minha Vida - Casa de Cultura Raul Seixas

      Neste sábado 09/12 às 13h, a Casa de Cultura Raul Seixas recebe o escritor Sacolinha com o projeto Minha Literatura, Minha Vida.  ...