07 abril, 2015

Sarau nas escolas


Sarau LiteraturaNossa beneficiará cerca de 150 alunos de escola mogiana

Projeto da Associação Cultural Literatura no Brasil será levado nesta quinta-feira (9 de abril) à Escola Estadual Professora Adelaide Maria de Barros, de Mogi das Cruzes, para reforçar o trabalho de fomento à leitura desenvolvido em sala de aula


Cerca de 150 alunos da Escola Estadual Professora Adelaide Maria de Barros, de Mogi das Cruzes, acompanharão nesta quinta-feira (9 de abril) a apresentação do Sarau LiteraturaNossa. O projeto da Associação Cultural Literatura no Brasil (ACLB) chegará à unidade escolar para reforçar o trabalho de fomento à leitura desenvolvido em sala de aula. A atividade é uma das ações contempladas pelo Programa de Ação Cultural (ProAC).
Durante a apresentação, que está prevista para as 10 horas, os estudantes terão não só a oportunidade de conhecer e interagir com os autores regionais como de participar da encenação. Além disso, quem recitar um verso de própria autoria poderá concorrer ao imã-poético (imãs de geladeira com poesias), iniciativa lançada este ano pelo grupo de escritores para valorizar a participação dos artistas/autores/leitores, bem como garantir a difusão dos bens e produtos culturais.
Como explica Raquel Pereira, integrante da ACLB e responsável pelo projeto “Sarau nas Escolas”, a iniciativa visa a complementar as ações de incentivo à leitura realizadas pelos professores e fornecer a todos a oportunidade de uma atividade extraclasse que auxilie na contextualização dos conteúdos escolares:
“Somos um parceiro da educação e por meio deste projeto esperamos contribuir para despertar nos alunos o interesse pela leitura ou até mesmo estimular aptidões literárias. O sarau é um momento em que todos os expectadores podem apreciar e até mesmo produzir arte”, destaca.
Coordenador da Escola Professora Adelaide Maria de Barros, Luiz Vieira Pita Neto diz que o projeto vem ao encontro das atividades de expansão e fomento ao hábito da leitura realizadas pela instituição que atende em período integral:
“Em nosso projeto pedagógico está incluído duas paradas de 50 minutos por mês para a leitura de um livro. Posteriormente, alunos e professores são estimulados a comentarem a obra e durante a semana são realizadas paradas simultâneas entre as turmas para leitura. Esperamos que o sarau agregue novos propósitos para ampliar esse trabalho de formação de leitores”, diz.
Acompanharão as apresentações do projeto “Sarau nas Escolas” alunos do sexto ao nono ano do Ensino Fundamental e primeiro ano do Ensino Médio. No decorrer das atividades serão realizados sorteios de livros e vídeos-literaturas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cidinha da Silva em Suzano